Com dólar em alta, turismo brasileiro deve crescer 15% durante o inverno

0
200

O inverno brasileiro que começou no mês passado tem sido uma boa pedida para tomar aquele chocolate quente para aquecer, tirar do armário os casacos mais pesados, e é claro, colocar o pé na estrada, já que o inverno também coincide com algumas semanas de férias escolares.

“Normalmente brasileiros que residem em lugares frios desejam ir as praias e os de ambientes mais quentes os lugares mais frios. Isto por uma questão de diferença climática que está acostumado, tornando a experiência agradável na viagem”, diz o empresário Henrique Mol, diretor executivo da franquia Encontre sua Viagem. “A alta do dólar registrada no último mês gerou aumento na procura por voos nacionais, que apresentam maior economia em julho deste ano, em comparação com o mesmo período de 2016”, enfatiza.

Para aqueles que adoram uma temperatura baixa, os destinos mais movimentados nesta estação é a deslumbrante cidade de Campos do Jordão. A cidade mais romântica do estado de São Paulo é bem disputada durante o inverno. Além da charmosa arquitetura típica suíça que dá ‘ares de uma cidadezinha da Europa’, e que todo casal adora, o destino também é palco do Festival de Inverno, com ótimas opções com programações culturais e musical.

No entanto, a procura também é crescente no Sul de Minas Gerais, mais precisamente em Monte Verde. A cidade é cercada pelas montanhas da Serra da Mantiqueira e está a mais de 1.600 metros de altitude. O charme da arquitetura local, a natureza, a estrutura turística e a gastronomia incentivam a procura dos turistas. Monte Verde tem belíssimas casas em estilo europeu, morros, pedras, picos, mais de 140 hotéis e pousadas, e inúmeros restaurantes que encantam tanto pela simplicidade da comida mineira como pelo sofisticado fondue ou pelos exóticos pratos com carne de javali criados na região.

O empresário cita ainda que outro destino muito procurado pelos turistas é a Serra Gaúcha. O lugar é encantador, pois possui cara de Europa, devidos às paisagens de tirar o fôlego, gastronomia rica, muito vinho e claro, aquele friozinho típico das montanhas, com direito a neve de vez em quando. Formada por dezenas de municípios do Rio Grande do Sul, a Serra Gaúcha possui dois núcleos turísticos principais: na Região das Hortênsias estão Gramado, Canela e Nova Petrópolis. No Vale dos Vinhedos, ficam Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa. Próximas uma da outra, separadas por cerca de uma hora e meia de carro, é possível conhecer estas duas regiões em poucos dias de viagem.

Muitos brasileiros, por estarem acostumados com o clima seco e quente na maior parte do país, ainda preferem mesmo no inverno curtir uma praia, e lugares que a temperatura esteja acima dos 30 graus. Henrique Mol conta que o Nordeste é o destino ideal e o mais procurado para quem procura tudo isso. Destaque para as praias do Ceará, Rio Grande do Norte e Bahia, lugares esses que, assim como no verão, continuam recebendo milhões de turistas nesta época do ano, e é uma ótima dica para quem quer espantar o inverno.

“As praias do Nordeste são as mais lindas do Brasil, vale destacar a culinária típica e a diversidade cultural desta região que encanta todos os turistas, até mesmo por aqueles que não gostam de entrar no mar”, diz o empresário.

“Vale muito à pena conhecer cidades que fogem um pouco do tradicional nesta época do ano, como encontradas nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Santa Catarina, que possuem os melhores preços nesta época”, ressalta Mol.

Setor em alta

O ano de 2017 promete ser muito melhor que 2016, principalmente para o turismo brasileiro. Desde o início deste ano o setor vem registrando aumento nas vendas por procura por passagens. Embora ainda sinta os efeitos do cenário macroeconômico, o mercado de franchising brasileiro começa a apresentar os primeiros sinais de recuperação. No primeiro trimestre deste ano, a receita do setor cresceu 9,4% nominalmente em relação ao mesmo período de 2016. O faturamento passou de R$ 33,710 bilhões para R$ 36,890 bilhões, segundo os últimos dados divulgados pela ABF (Associação Brasileira de Franchising).

Henrique atribui esse aumento a redução do endividamento das famílias. “Acreditamos na perspectiva de crescimento na economia por parte do consumidor. No ano passado, vimos uma incerteza na economia sem sinais de melhora e isto refletiu diretamente no consumidor, onde buscava poupar ao máximo, cortando alguns gastos, como viagens”, diz.

Somente para viagens a passeio durante o inverno, entre os meses de maio a agosto, quando as temperaturas são bem amenas no Sudeste, Centro-Oeste e Sul, a franquia Encontre sua Viagem estima faturar 15% a mais do que conquistado em 2016.

 

Confira algumas dicas para quem está procurando ainda um lugar ideal para viajar:

Urubici (SC), o lugar possui temperaturas abaixo de 0 grau, o que faz com que a cidade seja uma das mais frias do Brasil. A cidade se destaca com seu centro bem arrumado, com ótimas opções gastronômicas e pousadas de ótima qualidade. Quando estiver na região, não deixe de curtir o visual da Pedra Furada, um dos destinos mais procurados na região;

Em São Francisco Xavier (SP) o acesso complicado por estradas tortuosas fazem da cidade um destino a ser descoberto. Boas pousadas, caminhadas tranquilas em meio à mata e cachoeiras são suas principais atrações nas encostas da Mantiqueira;

Considerada a porta de entrada dos Parques Nacionais da Serra Geral e Aparados da Serra, Cambará do Sul (RS) possui algumas das mais belas paisagens do Brasil, como o Canion Itambézinho e Fortaleza;

Um dos destinos mais apaixonantes do estado do Espírito Santo, Domingo Martins inspira romantismo, a cidade que foi colonizada por italianos e alemães, além de lembrar bastante a região da Serra Gaúcha. Não deixe de conferir a Pedra Azul, cartão postal da cidade;

Admirada por conservar construções da época de D.Pedro II, Petrópolis (RJ) é um lugar encantador. Os visitantes podem conhecer casarões e palacetes que remontam ao século XIX. Além de curtir o clima frio, com neblinas e um requintado clima imperial.

Conhecida por atrações turísticas como o Parque da Ferradura, a Cascata do Caracol e a Catedral de Pedra, a cidade de Canela, no Rio Grande do Sul, une belas paisagens naturais e arquitetura urbana com forte influência germânica. Junto de Gramado e Bento Gonçalves é um dos destinos mais procurados e visitados do estado gaúcho.